‘Os Homens que Não Amavam as Mulheres’ revela talento de Rooney Mara

Compartilhe

Baseado na obra literária do sueco Stieg Larson, Millenniun: Os Homens que não Amavam as Mulheres (The Girl with the Dragon Tatoo) é dirigido por David Fincher e conta com o talento de Rooney Mara para interpretar a ‘underground’, Lisbeth Salander. A edição dinâmica, o escabroso mistério e as cenas no estilo ‘revanche’ mantêm o público atento durante os 158 minutos de exibição.

Rooney Mara e Daniel Craig protagonizam o filme, mas quem se destaca é a atriz – Imagem/Sony Pictures

Na trama Mikael Blomkvist (Daniel Craig) tem sua credibilidade jornalística destruída, ao escrever uma matéria denúncia sobre um poderoso empresário, ‘sem provas’. Ele então se vê obrigado a aceitar o convite de um milionário para investigar o sumiço de sua sobrinha nos anos 60. Mas para solucionar o caso, ele precisará do apoio da hacker, Lisbeth.

O longa-metragem exibe cenas violentas que chocam o público, mas que reforçam a torcida pela protagonista que passará por uma série de situações de abuso. Apesar do físico frágil, a personagem demonstra uma personalidade forte e perigosa. Aliás, o que será demonstrado em uma cena de vingança impactante.

A direção de Fincher é percebida na atuação de Craig que economiza nas caras e ‘bicos’ a la James Bond e nas sequências de violência. Até porque o diretor tem larga experiência em filmes do gênero e conta com títulos como, ‘Seven’ (1995) e ‘O Clube da Luta’ (1999) no currículo.

Um dos pontos positivos do filme é a edição que mantém a coerência da narrativa e não permite que a trama resvale no cansaço, apesar do epílogo longo. A fotografia retrata de modo bem-sucedido a distinção entre os ‘mundos’ do jornalista e da expert em informática. Mas é o talento de Rooney Mara que cativa a audiência, em uma atuação convincente e livre de pudores, ela consegue mesclar agressividade e fragilidade.

O longa recebeu indicações ao Oscar nas categorias, Edição, Fotografia, Edição de Som e Mixagem de Som. Também rendeu à atriz a primeira indicação ao prêmio. ‘Millennium: Os Homens que Não Amavam as Mulheres’ tem uma trama instigante e apesar das cenas de violência extrema, é o tipo do filme que prende a atenção do público.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *