Trama despretensiosa ao som de Rock ‘N’ Roll

Compartilhe

Muitas cores e uma narrativa frenética ao som de Paradise City do Guns N’ Roses dão o tom da trama ambientada em 1987. Baseado na peça homônima da Broadway, ‘Rock of Ages’ adota um ritmo dinâmico e de imediato traz à cena Drew (Diego Boneta) e Sherrie (Julianne Hough), jovens que vivem uma típica história de amor, com reviravoltas e atitudes previsíveis.
rock_of_ages_tom_cruise_catherine_jones
Imagem/Warner Bros. Pictures
 No Bourbon Room o casal viverá essa paixão ao estilo hollywoodiano. Aliás, a casa de shows é cenário para os principais acontecimentos, inclusive, de um show do Arsenal, banda do astro Stacee Jaxx (Tom Cruise).
 Além da trama central, estão Dennis Dupree (Alec Baldwin) e Lonny (Russel Brand) que lutam contra o fechamento do Bourbon Room, e para isso, eles terão que pagar os impostos atrasados e enfrentar Patrícia Withmore (Catherine Zeta-Jones), líder do movimento que pretende fazer uma ‘limpeza moral’ na cidade.
rock_of_ages
Moça é contratada como garçonete – Imagem/Warner Bros. Pictures
 Mesmo com os holofotes voltados para o jovem casal, os veteranos adquirem maior importância. Com estilo exagerado, Tom Cruise convence como o excêntrico roqueiro Stacee, e demonstra desenvoltura para o canto, característica comum a Catherine Zeta-Jones que parece ter nascido para o gênero e a despeito da superficialidade da personagem, ela realiza um belo trabalho. Na pele do proprietário do Bourbon Room, Alec Baldwin prova mais uma vez que tem timing para comédia e protagoniza cenas hilárias.
  De galã dos anos 90 ao ator com timing para comédia, Alec Baldwin interpreta o dono do Boubon Room, ele é responsável por cenas hilárias, inclusive, na relação mais do que fraterna com Lony (Russel Brand).
 Mesmo com um roteiro nada criativo, personagens superficiais e óbvios; Rock of Ages costura de forma interessante o repertório musical selecionado e proporciona entretenimento para todas as idades. É uma ótima opção tanto para aqueles que viveram a adolescência nos anos 80 quanto para os jovens de hoje.
rock_of_ages_tom_cruise
Tom Cruise investiu pesado nas aulas de canto e atingiu um ótimo resultado
Imagem/Warner Bros. Pictures
Para as telas foram transpostos temas de bandas que continuam no imaginário popular. Desde I Love rock ‘N’ Roll, que já ganhou alguns covers; Paradise City, do Guns ‘N’ Roses, Pour Some Sugar on Me, do Def Lepard; We’re not gonna take it, famoso refrão do Twisted Sisters até baladas como Waiting for a Girl Like You, do Foreigner e More Than Words, do Extreme. Canções que marcaram uma época e continuam a representar uma forma de expressão cultural.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *