Perfume de Mulher: drama estrelado por Pacino é marcado pelo tango

Compartilhe

É 11 de dezembro, data em que se comemora o surgimento do tango e um filme que ficou marcado por esta modalidade de dança é Perfume de Mulher. O longa de 1992 exibe Al Pacino na pele do tenente-coronel Frank Slade, personagem que rendeu ao ator a estatueta dourada do Oscar.  Apesar de todo o drama, a cena de tango traz à tona a vivacidade e a beleza que a dança pode proporcionar.
Memorável cena de dança protagonizada por Al Pacino e Gabrielle Anwar
Imagem/Universal Pictures

Cego por conta da explosão de uma granada, Frank conseguiu desenvolver os demais sentidos, especialmente, o olfato. Por esse motivo tem uma aguçada capacidade para identificar os perfumes femininos.

Tomado pela culpa e desilusão, ele está determinado a cometer suicídio em Nova York. Mas para fazer essa viagem, ele contará com a ajuda do cuidador vivido pelo jovem Charlie (Chris O’Donnell). A amizade entre os dois levará o tenente a repensar a vida, bem como o lugar dele no mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *