É Cult – Para ‘Acima das Nuvens’, Juliette Binoche é atemporal

Compartilhe

Com roteiro e direção de Olivier Assayas, Acima das Nuvens proporciona uma ótima oportunidade para Juliette Binoche demonstrar todo o seu desempenho artístico. Em meio a uma edição pontuada por transições lentas, o diálogo traçado entre atriz prestigiada e sua assistente torna-se o grande destaque, revelando os enfrentamentos de uma mulher diante da passagem do tempo.

Imagem/IFC Films

Prestes a homenagear o seu padrinho na carreira teatral, Maria Enders (Juliette Binoche) é pega de surpresa pela repentina morte dele. Diante da situação, ela aceitará o convite para a releitura da peça que a levou ao estrelato aos 18 anos, na pele de Sigrid; só que agora deverá interpretar a personagem madura de nome Helena. Esta nova posição renderá uma série de conflitos internos, deixando as suas inseguranças e frustrações à flor da pele.

Convidada para interpretar a jovem protagonista da peça, Jo-Ann Ellis de Chloë Grace Moretz é a representação contemporânea da cultura da celebridade hiper publicizada pela web. Envolvida em escândalos diversos e dona de um cinismo cruel, ela servirá de contraponto estabelecendo as diferenças de geração, personalidade e valores das atrizes, dentro e fora dos palcos.

Mas é no encontro com sua assistente vivida por Kristen Stewart e no retorno a Suíça que a estrela relembrará o passado e buscará um meio para dar vida a Helena. O fenômeno das nuvens de Maloja que caminham feito uma serpente serve de metáfora neste ambiente onde encenação e realidade se confundirão.

Imagem/IFC Films

Um roteiro marcado por diálogos constantes e instigantes, cenas contemplativas e o trabalho de uma atriz na plenitude da maturidade, despida de pudores e vaidades em nome do ofício. Difícil, insegura, exigente, complexa… Humana, essa é Maria Enders. Mas não resta dúvida, tão talentosa e atemporal como a sua interprete Juliette Binoche.

Acima das Nuvens (Clouds of Sils Maria) segue uma linha literária, pontuada por muitos diálogos e precisa ser apreciado sem pressa e com atenção, o roteiro responde a muitas das dúvidas da protagonista assim como as do público, além de levantar uma série de reflexões e questionamentos ao término de sua exibição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *